Idiomas sem fronteiras: a Verdade que você precisa saber!

O Idiomas Sem Fronteiras é um programa que permitiu a vários professores o aprendizado de um segundo idioma. Mas o programa não tem lançado editais, entenda os motivos!

idiomas sem fronteiras
Unsplash

Como Surgiu o Idiomas sem Fronteiras?

O programa Idioma sem Fronteiras (IsF) surgiu em 2012 ainda com o nome de Inglês sem Fronteiras. Tendo em vista que o principal objetivo do programa era desenvolver o inglês para os candidatos ao Ciências sem Fronteiras (CsF).

Quando surgiu o Idiomas sem Fronteiras tinha o objetivo de corrigir distorções do CsF. Uma vez que muitos estudantes iam para outro país com o objetivo de aprender inglês na prática. 

Portanto, o estudante perdia a oportunidade de desenvolver conhecimentos em sua área de atuação. Tendo o conhecimento disso, o governo desenvolveu o IsF para solucionar essa questão.

Ao longo dos anos o IsF passou a oferecer alemão, espanhol, francês, italiano, japonês e inglês para estrangeiros.

É importante perceber que o programa contribui para um maior impacto da ciência brasileira em ambiente internacional.

Tendo em vista que profissionais capacitados em idiomas estrangeiros são mais capazes de divulgar sua ciência. Além disso, podem formar parcerias com outras universidades e desenvolver novos conhecimentos e projetos.

O Fim do Idiomas sem Fronteiras?

Em julho de 2019 o então presidente do MEC fez duras críticas ao programa e anunciou a substituição do IsF.

Ao todo foram mais de 818 mil estudantes e professores universitários beneficiados pelo programa. Afinal, o domínio de outro idioma abre muitas oportunidades na vida acadêmica e profissional.

Ao anunciar a substituição do programa o então Ministro da Educação Abraham Weintraub disse que a iniciativa não deu certo.

Ele espera dar continuidade a internacionalização do ensino superior brasileiro, com foco na vocação de cada universidade.

Portanto, a nova forma de internacionalizar as universidades passa a ser diferente. Quando uma universidade tem potencial de desenvolver pesquisa, ela deve manter contato com outra no exterior.

Caso ambas possuam estudos relacionados a mesma área e interesse, a parceria seria estabelecida e analisada pelo governo.

Ainda sem Definição sobre o Idiomas sem Fronteiras

Tendo em vista que o programa ainda não foi substituído oficialmente, os alunos que sonhavam em aprender um novo idioma através do IsF aguardam ansiosos.

Quem deseja aprender um novo idioma e possui acesso à internet, deve optar pelas formas gratuitas de aprender esse idioma.

Dessa forma, o aprendizado começa a se concretizar sem necessariamente precisar da oportunidade do Idiomas sem Fronteiras.

Quando se tem uma oportunidade como o Idiomas sem Fronteiras é obviamente mais fácil. No entanto, aproveitar as outras oportunidades também é uma saída inteligente.

Portanto, começar a estudar por conta própria pode ser uma ótima solução. Tendo em vista que você otimiza seu tempo e pode melhorar suas habilidades.

SE a dificuldade é se organizar para conseguir estudar, conte com a ajuda do Notepic. Esse app é repleto de recursos que te ajudarão a aprender e desenvolver seus conhecimentos em qualquer área.

Segundo Idioma e o Mercado de Trabalho

Atualmente as pessoas que possuem conhecimento de inglês ou espanhol já sentem no bolso a diferença de salário.

Para o mesmo cargo, a diferença chega de ser de até 20% no salário. Obviamente quem domina outros idiomas está mais preparado e tem melhor acesso a novas informações.

Por isso, tende a receber salários bem maiores que funcionários que ocupam o mesmo cargo sem tal conhecimento.

Portanto, se você tem o desejo de começar a aprender um novo idioma, mesmo que não tenha disponibilidade financeira, invista seu tempo.

Dessa forma será possível encontrar conteúdos e começar a estudar por conta própria. Quando você menos esperar estará se saindo bem no novo idioma.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *